DIREITOS | Antecipação do 13º para aposentados será discutida

Notícias

Representantes pressionam e presidente do INSS marca reunião sobre o tema para próxima quinta-feira

Rio - A pressão de aposentados e pensionistas do INSS pelo pagamento antecipado da primeira parcela do 13º salário começa a surtir efeito. Após amargar espera de mais de dez dias por uma reunião com o INSS, conforme O DIA informou na edição do último dia 3, representantes do Sindicato Nacional dos Aposentados e Idosos, da Força Sindical, conseguiram agendar reunião com o presidente do INSS, Edison Garcia, para a próxima quinta-feira, às 15h. O objetivo é discutir o adiantamento de 50% do abono aos mais de 30 milhões de segurados da Previdência no país.

"Conseguimos marcar a reunião com o Edison Garcia (atual presidente do INSS) para a próxima quinta-feira. Sabemos que tem todo um procedimento, que ele tem que enviar o nosso pleito aos seus superiores, e que o abono é pago por decreto presidencial, mas não vamos deixar de cobrar o que é um direito nosso", afirma Marcos Bulgarelli, presidente do Sindnapi.

"Desde de 2006 essa parcela é adiantada em agosto. Ela já deveria ser tratada como direito garantido, só assim evitaria esse desgaste todo ano", critica Bulgarelli.